quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Fatores de Risco do Câncer de Mama - OUTUBRO ROSA


Um fator de risco é algo que afeta sua chance de adquirir uma doença como o câncer. Diferentes tipos de câncer apresentam diferentes fatores de risco. Alguns como fumar, por exemplo, podem ser controlados; no entanto outros não, por exemplo, idade e histórico familiar. Embora os fatores de risco possam influenciar o desenvolvimento do câncer, a maioria não causa diretamente a doença. Algumas pessoas com vários fatores de risco nunca desenvolverão um câncer, enquanto outros, sem fatores de risco conhecidos poderão fazê-lo.

Ter um fator de risco ou mesmo vários, não significa que você vai ter a doença. Muitas pessoas com a enfermidade podem não estar sujeitas a nenhum fator de risco conhecido. Se uma pessoa com câncer de mama tem algum fator de risco, muitas vezes é difícil saber o quanto esse fator pode ter contribuído para o desenvolvimento da doença.

O câncer de mama é em parte decorrente de uma série de fatores de risco, como:

Fatores de Risco que não se pode mudar 


  • Gênero - Ser mulher é o principal fator de risco para o desenvolvimento de câncer de mama.

  • Idade - O risco aumenta com a idade. Cerca de 12% dos cânceres de mama invasivos são diagnosticados em mulheres com até 45 anos, enquanto cerca de 60% em mulheres acima de 55 anos.

  • Fatores Genéticos - Cerca de 5 a 10% dos casos de câncer de mama são hereditários. A causa mais comum de câncer de mama hereditário é uma mutação herdada nos genes BRCA1 e BRCA2. Mutações em outros genes, embora raras, podem também levar ao câncer de mama hereditário, como, por exemplo, ATM, TP53, CHEK2 (síndrome de Li-Fraumeni), PTEN (doença de Cowden), CDH1, e STK11 (síndrome de Peutz-Jeghers).

  • Histórico Familiar - O risco de câncer de mama é maior entre as mulheres com parentes em primeiro grau (mãe, irmã ou filha) que tiveram a doença. Nesses casos o risco da doença praticamente dobra. Ter dois parentes de primeiro grau aumenta o seu risco cerca de 3 vezes.

  • Histórico Pessoal - Uma mulher com câncer de mama tem um risco de 3 a 4 vezes maior de desenvolver um novo câncer de mama. Isso é diferente de uma recidiva.

  • Raça e Etnia - As mulheres brancas são ligeiramente mais propensas a desenvolver câncer de mama do que as negras. No entanto, em mulheres com menos de 45 anos, o câncer de mama é mais comum em mulheres negras.

  • Mamas Densas - Mulheres com mamas densas têm um risco aumentado de câncer de mama em relação as mulheres com mamas menos densas. Uma série de fatores pode afetar a densidade da mama, como idade, estado menopausal, uso de medicamentos, gravidez e genética.

  • Doenças Benignas da Mama - Mulheres diagnosticadas com determinadas condições benignas da mama podem ter um risco aumentado de câncer de mama. As doenças benignas da mama são classificadas de acordo com o risco:
  1. Lesões não-proliferativas - Não estão associadas ao crescimento excessivo do tecido mamário e não parecem afetar o risco de câncer de mama, incluem fibrose e/ou cistos simples, hiperplasia, adenose, ectasia ductal, tumor filoide, papiloma único, necrose, fibrose periductal, metaplasia escamosa e apócrina, calcificações,  tumores benignos, como lipoma, hamartoma, hemangioma, neurofibroma e adenomioepitelioma.
  2. Lesões proliferativas sem atipia - Estas condições mostram o crescimento excessivo das células dos ductos ou lobos e incluem hiperplasia ductal, fibroadenoma, adenose esclerosante, papilomatose e cicatriz radial. 
  3. Lesões proliferativas com atipia - Nestas condições, existe um crescimento excessivo das células dos ductos ou lobos, com algumas das células normais não aparecendo. Eles têm um forte efeito sobre o risco de câncer de mama, elevando-o de 3 a 5 vezes. Estes tipos de lesões incluem: hiperplasia ductal atípica e hiperplasia lobular atípica.

  • Menstruação - As mulheres que tiveram menarca precoce (antes dos 12 anos) ou tiveram a menopausa após os 55 anos têm um risco aumentado de câncer de mama. O aumento do risco pode ser devido a uma exposição mais longa a hormônios femininos. 

  • Radioterapia Prévia - As mulheres que fizeram radioterapia na região do tórax têm um risco aumentado de câncer de mama.

  • Exposição ao Dietilestilbestrol - Mulheres grávidas que receberam dietilestilbestrol (DES) têm um risco ligeiramente maior de desenvolver câncer de mama. Mulheres cujas mães tomaram DES durante a gravidez também podem ter um risco maior de câncer de mama.

Fatores relacionados ao Estilo de Vida


  • Ter Filhos - As mulheres que não tiveram filhos ou que tiveram o primeiro filho após os 30 anos têm um risco aumentado de câncer de mama. Ter muitas gestações e engravidar jovem reduz o risco de câncer de mama.

  • Controle da Natalidade - O uso de pílulas anticoncepcionais aumenta o risco de câncer de mama em relação as mulheres que nunca usaram. Esse risco volta ao normal após a interrupção do uso dos contraceptivos. Mulheres que pararam de usar os anticoncepcionais há mais de 10 anos não parecem ter qualquer aumento no risco.

  • Reposição Hormonal após a Menopausa - O uso de estrogênio sozinho após a menopausa não parece aumentar o risco de câncer de mama.

  • Amamentação - Alguns estudos sugerem que a amamentação pode diminuir o risco de câncer de mama.

  • Alcoolismo - O uso de álcool está claramente associada a um aumento do risco de desenvolver câncer de mama. O risco aumenta com a quantidade de álcool consumida.

  • Obesidade - Estar acima do peso ou obesa após a menopausa aumenta o risco de câncer de mama. Mas a ligação entre o peso e o risco da doença é complexa. Por exemplo, o risco parece ser maior em mulheres que ganharam peso na idade adulta, e não para aquelas que sempre estiveram acima do peso desde a infância.

  • Atividade Física - Crescem as evidências de que a atividade física na forma de exercício reduz o risco de câncer de mama.

Fatores de Risco pouco claros
 


  • Dieta e Vitaminas - Muitos estudos têm procurado uma ligação entre o que as mulheres comem e o risco de câncer de mama, mas os resultados ainda são conflitantes. Alguns estudos indicam que a dieta pode desempenhar um papel importante, enquanto outros não encontraram nenhuma evidência de que a dieta influencia o risco de câncer de mama.

  • Produtos Químicos - Algumas pesquisas relatam possíveis influências ambientais sobre o risco de câncer de mama. Mas, até o momento não existe uma relação clara entre o risco de câncer de mama e a exposição a determinadas substâncias químicas.

  • Tabagismo - As evidências sobre a relação do tabagismo e o câncer de mama ainda não são claras.

  • Trabalho Noturno - Alguns estudos sugerem que as mulheres que trabalham à noite, podem ter um risco aumentado de desenvolver câncer de mama. Esta é uma descoberta relativamente recente, e mais estudos são necessários para comprovar essa questão. Alguns pesquisadores acreditam que o efeito pode ser devido a mudanças nos níveis de melatonina, hormônio cuja produção é afetada pela exposição do corpo à luz, mas outros hormônios também estão sendo estudados.

Fatores Controversos 


  • Desodorante - Rumores na internet sugerem que os produtos químicos em desodorantes interferem na circulação da linfa, causando toxinas se acumulam no peito, e, eventualmente, levam ao câncer de mama. Com base nas evidências disponíveis, existe pouca ou nenhuma razão para se acreditar nesse risco.

  • Sutiã - Rumores na internet sugerem que os sutiãs causam câncer de mama, obstruindo o fluxo de linfa. Não existe base científica ou clínica para essa afirmação.

  • Implantes Mamários - Alguns estudos mostram que os implantes mamários não aumentam o risco de câncer de mama, apesar dos implantes de silicone poderem causar cicatrizes no tecido. Os implantes tornam mais difícil a visualização do tecido mamário com mamografias convencionais.

terça-feira, 27 de setembro de 2016

* Alerta de tendência : Tênis Branco

O tênis é um calçado casual, que prioriza o conforto e está mais em alta do que nunca. As personalidades fashions, principalmente as blogueiras e as modelos nas semanas de moda, passaram a usar o calçado e fazer combinações incríveis, o que foi devidamente fotografado pelos principais sites de “street style”.
Ultimamente os tênis brancos tem ganhado grande espaço nos looks fashionistas. Eles aparecem integrando looks com o já conhecido e casual jeans, até mesclado com peças de paetê. Certamente estes calçados podem ser um maravilhoso truque de styling e personalidade no seu visual.É uma ótima alternativa para manter o estilo sem recorrer ao salto alto.


Os mais variados modelos de tênis branco estão em alta, desde os mais esportivos e pesados, até os mais casuais, passando pelos flatforms, que levam uma pequena plataforma, que pode chegar até 4 centímetros. Basta escolher qual melhor se adapta ao seu estilo e sua necessidade.
Não tenha medo de arriscar e experimente o tênis branco como parte do seu estilo. Você vai ver que conforto e looks bacanas podem andar juntinhos sim!

terça-feira, 20 de setembro de 2016

VFNO Flamboyant 2016 - O maior evento de moda do mundo

O Vogue Fashion Night Out foi criado para ajudar a indústria da moda passar pelos momentos difíceis derivados da crise econômica que vinha afetando pouco do mundo. O primeiro evento foi realizado em 2009 em Nova Iorque, onde as lojas ficaram abertas até mais tarde com novas coleções e muitas surpresas para os clientes.

O sucesso foi tanto que outros países se juntaram ao evento, inclusive Portugal, onde que ano seguinte, 2010, recebeu o evento em Lisboa e as lojas ficaram abertas até as 23h. É um dia de celebração da moda e este ano não podia ser diferente, o Shopping Flamboyant foi o palco da 3a edição do maior evento de moda no mundo. Com muita moda, música e diversão. 


Como vocês viram pelo Instagram (@raquelpiresbijoux) e nosso Snap (@raquelpiresrp), o evento Vogue Fashion’s Night Out, foi um sucesso ! Brindamos e festejamos muita alegria!





Ah! Já estamos com saudade e aguardamos já com ansiedade o próximo !

terça-feira, 6 de setembro de 2016

Cor Laranja no Verão 2017

Uma cor que é a cara do verão: Laranja!
Não é novidade que nosso verão brasileiro é repleto de cores fortes e vibrantes. Mas existem algumas que se destacam, como é o caso do laranja e trouxemos várias peças nessa cor, tão caliente e tropical, para você arrasar por aí com peças da coleção Carmen Miranda Verão 2017 Raquel Pires ! Confira:





Seja em blusas, onde fica fácil combinar a cor com jeans, ou em vestidos inteiros em laranja, ou nos acessórios, o que importa é garantir uma peça dessa cor tão linda!
Veja mais peças aqui: www.raquelpires.com.br


terça-feira, 30 de agosto de 2016

O bronzeado perfeito!


O verão já está aí e com ele vem aquela vontade de pegar um bronze, não é mesmo? Por isso, separamos algumas dicas que ajudarão você a ficar linda e bronzeada sem deixar de cuidar da sua saúde.
 Dicas:
• Proteger a pele é fundamental! Passe filtro solar sempre e não esqueça de reaplicar após um mergulho ou a cada duas horas. O rosto é mais sensível e por isso pede um pouco mais de cuidado. Dê preferência a fatores mais altos e use chapéu para ajudar na proteção.
 •Tomar água também é muito importante, por isso, ande sempre com uma garrafinha de água e tome pelo menos dois litros por dia.
 •Dê preferência a sabonete neutro e evite buchinha vegetal na hora do banho, pois ao esfregar a pele, o seu bronzeado pode ir literalmente para o ralo.
 •Use um hidratante com vitamina E, óleo de amêndoas ou extrato de camomila, eles retêm água e impedem que a pele fique desidratada. Caso você descasque ou fique vermelha, hidrate a pele com mais frequência.
 •Para ter um bronzeado mais uniforme e sem manchas, é interessante esfoliar a pele antes de tomar sol. Ao fazer a esfoliação, sua pele ficará mais suave, homogênea e livre das células mortas.
 •Aposte em alimentos com cores fortes de laranja e verde, eles são ricos em betacaroteno e ajudarão você a ficar com um super bronzeado.

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Coisas que nós amamos no verão!

A estação mais incrível do ano chegou e trouxemos o nosso verão para vocês! Tudo que nós, Equipe Raquel Pires, mais adoramos entre dias quentes, praia e muita água!
Para um cabelo típico de sereia: Sun In e Spray Surf Infusion são dois produtos perfeitos! O primeiro, clareia o cabelo com a ajuda dos raios solares e o spray é indispensável para o momento pós banho de mar. Além disso, deixa um efeito ondulado e incrível !



Produtos da marca LUSH são orgânicos, não testados em animais e tem tudo a ver com o verão! Escolha o seu LUSH preferido entre sabonetes, shampoo em barra, protetor labial e até hidratantes!
Looks: Escolha os mais confortáveis e estilosos! Com muitas cores e o glamour necessário para uma estação perfeita! Prepare-se que no dia 25 de agosto lançaremos nossa nova coleção CARMEN MIRANDA - Verão 2017 e vocês poderão se inspirar e escolher vários looks para este verão!
Para um bronze perfeito: Protetor solar, bronzeador e um bom hidratante para o pós sol são essenciais para ter um bronze perfeito!
Para cuidados com a pele (o ano inteiro): Dois produtos que todo mundo ama: Água termal e removedor de maquiagem Bioderma.
Vibrante e Alegre será nosso verão !

terça-feira, 2 de agosto de 2016

Dicas de petiscos para servir durante as Olimpiadas

Nada melhor do que juntar a família e os amigos para torcer pelo nosso Brasil. Para isso separamos algumas receitas rápidas e deliciosas para você preparar e servir aos convidados, confira:




1. Gelatina de caipirinha:· 5 limões-taiti, com casca, cortados ao meio
· 2 colheres (sopa) de açúcar
· 1 xícara de cachaça
· 1½ colher (chá) de ágar-ágar

Modo de preparo: em uma tigela, esprema os limões, certificando-se de ter retirado todo o suco. Com uma faca, retire o bagaço, formando copinhos com as cascas. Reserve. Em uma vasilha, misture 1/2 xícara do suco de limão, o açúcar, a cachaça e 3/4 de xícara de água. Transfira para uma panela, junte o ágar-ágar e leve ao fogo até ferver. Preencha as cascas dos limões com a mistura, leve à geladeira por uma hora, no mínimo, e sirva.

2. Pipoca caseira ou de micro-ondas:
Para a pipoca caseira você vai precisar de:
· 100g de Milho para pipoca
· 1 fio de óleo
· 1 pitada de sal

Modo de preparo: em uma panela derreta a manteiga, coloque o milho e espere estourar. Para a pipoca  de micro-ondas siga as recomendações da embalagem.

3. TROUXINHAS DE MORTADELA RECHEADA
· 150 g de mortadela
· 200 g de ricota
· ½ caixa de creme de leite
· 3 colheres (sopa) de requeijão cremoso
· Sal e temperos a gosto
· Cebolinha ou nirá para amarrar

Modo de preparo: bata a ricota, o creme de leite, o requeijão cremoso, o sal e os temperos de sua preferência no processador até que forme bolinhas na massa e as embrulhe com fatias de mortadela em forma de trouxinha. Amarre com a cebolinha ou nirá.

4. PATÊ DE AZEITONA PRETA
· 1 xícara de ricota amassada
· 1 ½ xícara de azeitona preta picada
· 1 ½ xícara de leite quente
· 2 colheres de sopa de manteiga
· Sal a gosto

Modo de preparo: no liquidificador, coloque a ricota, o azeite e o leite. Bata tudo, Por último, acrescente o sal e a manteiga. Bata novamente até atingir uma consistência homogênea. Está pronto para servir.
               Venha fazer parte da torcida Raquel Pires Bijoux!!